Home » Doenças Vasculares » Fístula para Hemodiálise

Voltar

Fístula para Hemodiálise

O que é?

fistula-para-hemodialise-01

A insuficiência renal crônica tem se tornado cada vez mais frequente. Pacientes com esta doença, que necessitam realizar hemodiálise – processo de filtração do sangue que substitui as funções dos rins –, precisam de um acesso venoso para a realização do procedimento. Os acessos mais utilizados são os cateteres e as fístulas arteriovenosas.

A equipe do Instituto Belczak de Cirurgia Vascular e Endovascular é especializada na implantação de todos os acessos disponíveis para realização de diálise em pacientes portadores de insuficiência renal crônica: cateter de Shilley, o Permcath e cateteres para realização de diálise peritoneal como o Tenckhoff. Da mesma forma, o instituto tem ampla experiência na realização de fístulas arteriovenosas para hemodiálise.

fistula-para-hemodiaalise-02

A fístula arteriovenosa consiste na união entre a artéria e a veia através de procedimento cirúrgico. Com o tempo, a veia, que passa a receber sangue sob pressão vindo diretamente da artéria, fica com sua parede grossa, favorecendo o fluxo sanguíneo para a realização de hemodiálise.

Através da fístula, uma agulha é puncionada e conectada a um cateter, que levará o sangue ao aparelho de hemodiálise. Este aparelho realiza a função dos rins, filtrando o sangue, que será devolvido ao paciente por outro cateter inserido na veia da fístula.

Tratamentos

fistula-para-hemodialise-03

A cirurgia de fístula arteriovenosa geralmente é realizada com anestesia local. Por ser um procedimento simples, o paciente retorna para casa no mesmo dia.

As fístulas são feitas geralmente em dois locais: no braço (bráquio-cefálica: anastomose da artéria braquial com a veia cefálica)
e no antebraço (radio-cefálica: anastomose da artéria radial com a veia cefálica). Menos comumente, podem ser realizadas também na virilha (com a artéria femoral).

Normalmente, quando se realiza uma fístula arteriovenosa, passamos a ter a sensação de uma espécie de vibração no trajeto da veia. Esta vibração é denominada de frêmito, e indica que o sangue está passando adequadamente pela fístula. Ela é causada pela circulação mais rápida do sangue e é um indicador de que a fístula apresenta bom fluxo para realização de hemodiálise.

Agende uma consulta